ÚLTIMAS

PM detém seis pessoas com arsenal de armas e drogas em COARI


Uma equipe do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) deteve, nesta terça-feira (26/11), quatro homens, de 26, 35, 39 e 21 anos, uma mulher de 26 anos, e um adolescente de 17 anos, em posse de armas de fogo, munições e rádios de comunicação. A ação aconteceu após denuncia de confronto de traficantes rivais nos fins de semana, na comunidade do Itapéua, no município de Coari (a 363 km de Manaus).

De acordo com o comandante do 5° BPM, tenente-coronel Pedro Moreira, a polícia chegou até eles, após diversas denúncias de moradores da comunidade, que não aguentavam mais o tráfico de drogas promovido por um suspeito conhecido da área. Foi montada uma operação policial e feito um cerco na casa do envolvido, onde ele estava junto com outros infratores e sua esposa.

A abordagem aos suspeitos resultou na apreensão de cinco espingardas calibre 16, três delas com numeração suprimida, uma espingarda calibre 20, 23 munições intactas de calibre 380, dois carregadores de calibre 380, sete munições intactas de calibre 20, cinco munições intactas calibre 12, 12 munições intactas calibre 16, uma faca, uma machadinha, dois rádios de comunicação com duas bases, uma balança de precisão, um canivete, cordões e anéis, 47 gramas de supostamente de cocaína, 17 gramas de supostamente cocaína em pó e R$ 260 em espécie.

Ainda segundo o comandante, o principal suspeito é dono do arsenal. Ele estaria esperando um desafeto, que atua como "pirata de rio" e outras vezes já o teria roubado drogas e armas. 

Segundo relatos de comunitários, no domingo (24/11), no final da tarde, um grupo de traficantes invadiu a Comunidade do Itapéua e abriu fogo contra o bando rival atingindo casas e uma igreja. Uma das facções teria prometido voltar e, desde então, os moradores vivem sob medo constante. Os comunitários contaram também que todos os finais de semana a situação se repete.

Além das armas, o que chamou atenção dos policiais militares foram os rádios de comunicação, utilizados pelos suspeitos, parentes e a esposa do traficante. Eles utilizam os aparelhos para avisar quando a polícia ou desafetos passavam pela comunidade. Os suspeitos porém, foram surpreendidos pela ação da Polícia Militar.

Os moradores agradeceram o trabalho da polícia na comunidade. Todos os envolvidos foram conduzidos e apresentados na 10ª Delegacia de Polícia Civil em Coari para os procedimentos cabíveis.

Polícia Militar do Amazonas -  PMAM
Diretoria de Comunicação Social – DCS

Nenhum comentário