ÚLTIMAS

Caso Bel: psicólogo alerta sobre perigo de expor crianças nas redes sociais

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Recentemente, o caso de possíveis maus-tratos envolvendo a youtuber mirim Isabel Magdalena, do canal Bel para Meninas, sensibilizou a internet e reacendeu um tema polêmico: a exposição de crianças nas redes sociais.

A influenciadora digital de 14 anos acumula sete milhões de inscritos no Youtube e estaria sendo vítima de pressão psicológica por parte da mãe. Francinete Peres Magdalena estaria humilhando e infantilizando a garota em busca de likes. O Ministério Público investiga as denúncias.
Ao analisar a situação, o psicólogo Fabrício Nogueira ressalta que, por não terem crescido em um mundo digitalmente conectado como o de agora, os pais de influencers mirins não entendem como as crianças se sentem diante da exposição e acabam, mesmo que sem querer, cometendo erros – muitos deles prejudiciais à saúde mental dos pequenos.
“Antes de expor o filho a uma situação, é preciso se colocar no lugar dele e pensar: eu, nessa tenra idade, gostaria de ser exposto dessa maneira? O que essa postagem pode gerar na melhor das hipóteses? E na pior?”, orienta.
Os pais de estrelas da internet ainda precisam, a todo custo, proteger os pequenos de situações constrangedoras e ataques de haters.
“Como todo ser humano, as crianças buscam aprovação e, por ainda não terem a formação emocional desenvolvida, acabam sendo mais suscetíveis a complicações psicológicas graves diante de situações de rejeição”, explica o profissional.
A constante exposição também pode causar ansiedade nas crianças, que ficam aflitas pela falta de controle sobre o que vai ou não ao ar.
“Os pais devem ter cuidado extra na exposição das fragilidades das crianças e respeitar suas vontades”, finaliza.

https://www.metropoles.com/vida-e-estilo/caso-bel-psicologo-alerta-sobre-perigo-de-expor-criancas-nas-redes-sociais

Nenhum comentário