ÚLTIMAS

Lancha afunda durante festa e jovem desaparece em represa

Guarda afirma que jovens desobedeciam decreto de isolamento; testemunhas disseram que embarcação transportava mais gente que o permitido

Uma lancha que era usada em uma festa afundou na represa Várzea das Flores, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, na noite desta quinta-feira (11). Uma jovem de 20 anos que estava na embarcação caiu na água e ainda não foi encontrada. O Corpo de Bombeiros precisou suspender as buscas pela vítima devido à escuridão no local, mas os trabalhos foram retomados na manhã desta sexta-feira (12).

Testemunhas relataram que o veículo aquático virou a aproximadamente 300 metros da margem, em uma área que tem 10 metros de profundidade. Participantes do evento disseram que a embarcação transportava mais pessoas que a capacidade máxima.

Alguns dos passageiros foram socorridos por outros frequentadores da lagoa, mas Kethlin Faria Soares não foi mais vista após o acidente. Militares dos bombeiros e da Marinha foram acionados para realizar as buscas.

Segundo testemunhas, o piloto da lancha, depois de ser resgatado, fugiu do local. O homem teria abandonado o carro dele em um terreno, que é ponto de saída de embarcações. Agentes da Guarda afirmam que o veículo tem placa clonada. De acordo com o comandante Levi Sampaio, jovens contaram que o piloto também teria participado da confraternização.

— Segundo elas [testemunhas], o piloto também estava fazendo uso de bebidas alcoólicas.

Um vídeo mostra o momento em que a embarcação foi localizada e puxada para a beira da represa. Sampaio afirma que a Guarda Municipal está realizando uma operação no local para evitar a entrada de moradores, que estariam desrespeitando as regras de isolamento social contra a covid-19 na cidade.

— Na ultima semana, recebeu vários videos pessoas estsariam festas.



Nenhum comentário