TCE


A partir do mês
de julho, as entidades esportivas de modalidades olímpicas têm uma nova
representação. A AFOAM – Associação das Federações Olímpicas, foi criada para
melhorar a interlocução com os orgãos estaduais e municipais, assim como
otimizar as ações coletivas dessas modalidades, que não se resumem a
competições, mas também ao planejamento coletivo, como o calendário anual de
atividades, que facilitará as demandas junto ao principal patrocinador do
desporto amador amazonense, que é o governo do estado.
 A fundação oficial da AFOAM foi no dia 24 de
junho. O ato inicial, oficial, contou com a participação de representantes de
10 modalidades esportivas, olímpicas, elencadas por ordem alfabética:
Atletismo; Badminton; Basquete; Boxe; Handebol; Levantamento Olímpico; Luta
Olímpica; Taekwondo; Tênis de mesa e Vôlei. 
 Para o primeiro período de gestão, foi eleito
Waldeci Silva, presidente da Federação Amazonense de Luta Olímpica.
“Acreditamos sempre que qualquer trabalho esportivo é importante e por
isso temos sempre o cuidado ao falar da AFOAM para não parecer que estamos
discriminando modalidades esportivas que não são olímpicas, como o Jiu-Jitsu
por exemplo. Nosso intuito é organizar melhor as olímpicas, pois assim iremos
avançar nas nossas questões mais difíceis”, diz Waldeci, se referindo a
estrutura de treinamento e participação em competições nacionais e
internacionais.
 A primeira atividade oficial da Afoam será uma
ação beneficente (Feijoada), no dia 25 de julho, em favor de uma atleta (Amanda
Henriques de Souza), do pugilismo (Boxe), acometida de um câncer e que precisa
de recursos para uma cirurgia. “É ruim demais vermos atletas, técnicos e
dirigentes desamparados. Trabalhamos duro todos os dias, mas não existe uma
política de Estado que resguarde essas pessoas que atuam no esporte, mas que no
fundo ajudam o social, a saúde, a educação, a segurança. O Esporte no Amazonas
precisa ser melhor reconhecido”, desabafa Waldeci.
 Apesar de não deterem participado do ato
inicial, outras federações de modalidades olímpicas ainda irão aderir e
fortalecer a AFOAM. “Estamos contando com a participação de todos que atuam
direta ou indiretamente no esporte olímpico. Unidos seremos mais fortes”,
afirma o presidente.
 Sobre a Feijoada, quem quiser ajudar a atleta,
pode entrar em contato pelos seguintes números: 
Professor Fiola
98125 5310;
Professor Tadeu
99337 1770 e
Professor Waldeci
98437 0679
Fonte: AFOAM
Foto: Divulgação