Anitta comentou as polêmicas envolvendo os cachês dos sertanejos que têm sido revelados nas últimas semanas. As denúncias dos valores altíssimos pagos aos artistas começaram depois que Zé Neto, dupla de Cristiano, fez uma crítica à Anitta em um show, citando a Lei Rouanet e a tatuagem que a cantora fez no ânus. Em uma postagem do “Hugo Gloss” sobre o pronunciamento da prefeitura de Conceição do Mato Dentro (MG) a cerca do pagamento de R$ 1,2 milhão por um show de Gusttavo Lima, ela escreveu: “E tudo isso porque eu tatuei meu tororó”.

No último dia 13, durante um show, Zé Neto disse ao microfone: “Não somos artistas e não dependemos de Lei Rouanet. Nosso cachê quem paga é o povo. A gente não precisa fazer tatuagem no toba para mostrar se a gente está bem ou mal. A gente simplesmente vem aqui e canta”. Depois do vídeo do momento circular na web, vários internautas relembraram polêmicas da dupla de Cristiano, incluindo uma fala polêmica do sertanejo sobre zoofilia.

Ele voltou a criticar Anitta em um show na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul, após o público xingar a Poderosa em coro. Zé Neto interrompeu a apresentação e cutucou a intérprete de “Envolver”: “Gente, não precisa. Vamos rezar por essas pessoas e que Deus abra a mente delas e que elas entendam”. Ele ainda provocou a cantora ao citar a importância do homem do campo. “Que venha um dia, que um dia só na vida, calce uma botina amarela, entre num curral cheio de b**** para separar o gado, tirar um leite, passar peia num bezerro”, declarou.

Com informações de Purepeople