O apresentador da GloboNews, Marcelo Cosme, contou sobre sua descoberta de sexualidade e a relação com a família durante uma live no Instagram.

Marcelo que é homossexual contou que só teve coragem para ficar com homens aos 28 anos. “E aí começa aquela coisa: eu conto pros amigos, tenho vida dupla, você não admite [para si mesmo que é gay] e acaba sendo o hétero do rolê”, disse.

Cosme disse que nunca escondeu a orientação sexual, mas que recentemente teve uma proporção maior. O jornalista disse que o pai só soube que ele era gay há 2 anos. “Ele disse: ‘Oh, tudo bem, mas eu não quero falar sobre esse assunto’. E a gente não conversou mais sobre esse assunto, ele respeita e tá tranquilo”, contou.

Já a mãe dele mantém uma boa relação com o companheiro de Marcelo, Frankel Brandão. “Depois que eu comecei a me relacionar com homens, toda vez que eu brigava com algum namorado ou simplesmente queria conversar, eu sentia vontade de falar com a minha mãe. E eu não podia. Isso era muito ruim. Pouco depois que eu contei para ela, o meu namoro acabou. E eu finalmente podia dividir com ela as minhas angústias e o que eu tava passando. Me fez bem, sabe? Eu não pude durante 15 anos fazer isso [falar abertamente sobre esse assunto com sua mãe]. Eu sentia muita falta de dividir com a minha família o que eu estava vivendo, eu viajava de férias com um namorado e tinha que dizer que era um amigo”, relatou.

“Eu fiquei reprimido durante 28 anos por morar muito perto da minha família. Ir para Brasília me deu uma segurança muito maior, porque eu lembro de me esconder até de mim mesmo no início”, desabafou.

Marcelo é pai de Eduardo Cosme, de 21 anos, de um breve relacionamento.