O avião que caiu com Marília Mendonça e mais 4 pessoas era da dupla Henrique & Juliano antes da venda à empresa PEC Táxi Aéreo. A informação é da assessoria da artista.

A venda do avião para a empresa ocorreu no dia 9 de julho de 2020. Ainda segundo a assessoria, os socorristas resgataram os itens pessoais dos passageiros, como o caderno de composição da cantora, celulares, mala vermelha de Marília e seu violão, que aparecem no vídeo de sua última postagem antes do acidente.

Nesta segunda (8), as equipes do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) com o apoio de uma empresa de guincho particular resgataram um dos motores da aeronave. Ambos os motores caíram em local de difícil acesso.