A caixa irá depositar nesta segunda-feira (28), uma nova parcela que pode ser de R$ 600 ou de R$ 300, dependendo de quando o beneficiário teve seu cadastro aprovado. O pagamento de hoje é o último para os nascidos em novembro e do público em geral ( Pessoas que não estão inscritas no bolsa família).

O governo mantém o pronunciamento de que será a parcela final, no entanto ainda existe a possibilidade de uma prorrogação. Principalmente se o número de mortes aumentar e se houver medidas severas de isolamento social.

O depósito realizado hoje só estará disponível para saques e transferências a partir do dia 25 de janeiro.

Entenda

Quem tem direito ao auxílio mas não está inscrito no Bolsa Família recebe nos chamados ciclos de pagamento da Caixa. A cada ciclo, todos recebem pelo menos uma parcela, independente de qual seja. O cronograma avança conforme o mês de nascimento do beneficiário.

O calendário é dividido em duas etapas. Na primeira, o dinheiro é depositado na poupança digital e fica disponível apenas para pagamentos e transações pelo aplicativo Caixa Tem. Na segunda etapa o auxílio é liberado para saques e transferências.

A data da liberação para saques e transferência é a mesma para os ciclos 5 e 6. Isso significa que, quando chegar o dia da autorização, o beneficiário poderá sacar ou transferir todo o dinheiro que sobrou das últimas parcelas do auxílio.

Com informações de: Uol

Foto: Divulgação