TCE


A microempresária Cíntia Ibernon foi uma das contempladas; a instituição Pró-Menor Dom Bosco também foi sorteada pela primeira vez

Cadastrada há anos na campanha Nota Fiscal Amazonense (NFA), a microempresária Cintia Ibernom ainda não tinha arraigado o hábito de pedir CPF nas notas fiscais quando comprava algo no supermercado ou na padaria. Agora, ela garante que não apenas ela, como toda a sua família vai passar a exigir o documento fiscal em todas as suas compras. O motivo? Cíntia acabou de ser sorteada para receber um dos prêmios de R$ 10 mil reais do último sorteio da Campanha.

“Como eu montei uma empresa, eu passei a colocar meu CPF esse ano, eu queria fazer meu nome ‘rodar’. Aí quando foi essa semana, eu falei: ‘vou abrir (o site da campanha) pra ver. Aí estava lá meu nome”, disse Cíntia, que lembra sua reação ao “cair à ficha” que havia ganhado o prêmio.

“Eu liguei para o meu esposo, gritando, ‘eu ganhei, eu ganhei dez mil’”, disse ela, que agora faz questão de falar para a família se cadastrar na campanha e pedir o CPF na nota em suas compras. “Agora a família inteira, eu faço colocar o CPF na nota”, contou.

Além de Cíntia, outros nove cidadãos foram contemplados no sorteio da campanha, realizado no dia 11 de outubro. Nesta quarta-feira (18/10), parte deles compareceu à cerimônia de entrega dos cheques simbólicos no auditório da Sefaz.

Foram sorteados no total 10 prêmios em dinheiro, sendo sete de R$ 5 mil, dois de R$ 10 mil e um de R$ 20 mil.

Entidades sociais

Além dos cidadãos, entidades sociais cadastradas na Campanha também receberam prêmios de R$ 2 a R$ 10 mil. As instituições são indicadas pelos próprios cidadãos no ato de sua inscrição na campanha.

Pela primeira vez, a instituição de apoio socioeducacional Pró-Menor Dom Bosco foi contemplada. A entidade ganhou R$ 8 mil.

O diretor da entidade, padre Washington Luís, comentou o prêmio. “Foi uma surpresa”, disse ele, ressaltando a importância do prêmio para as entidades. “Não apenas o ganhador sai beneficiado, mas a instituição que ele escolheu, também sai ganhando. Ficamos muito agradecidos pelo prêmio. Chega em boa hora”, declarou.

Sobre a campanha NFA

A campanha Nota Fiscal Amazonense é promovida pelo Governo do Amazonas e coordenada pela Sefaz, com o objetivo de estimular a cidadania fiscal por parte dos cidadãos e contribuintes do estado do Amazonas.

Existem três tipos de sorteios: os diários, com prêmios de R$ 200 a R$ 1000; os mensais, com prêmios de R$ 5 mil a R$ 20 mil; e o anual, com prêmios de até R$ 50 mil.

Para participar dos sorteios, é preciso cadastrar-se no site da campanha (www.nfamazonense.sefaz.am.gov.br), pedir nota fiscal com CPF incluído, a fim de evitar vencedores homônimos (com o mesmo nome). Os números são divulgados com parte do CPF omitida.

Evite os golpes

A fim de evitar golpes em nome da Campanha, indica-se o uso dos canais oficiais da Nota Fiscal para conferir se você é um dos ganhadores, isto é, o site da campanha e as redes da Sefaz-AM.

Os cidadãos premiados podem entrar em contato com a Sefaz nos canais oficiais, o site nfamazonense.sefaz.am.gov.br ou pelos telefones 2121-1732 ou 2121-1689.

 

 

Fonte: Sefaz-Am

Foto: Divulgação