Brasília – O aplicativo Conecte SUS, do Ministério da Saúde, voltou a exibir comprovante da vacina contra Covid-19, porém apresentou problemas neste domingo (26). Para que o app funcione, é preciso atualizar o aplicativo no Google Play (para celulares Android) e Apple Store (para iOS, do iPhone).

De acordo com os usuários, por volta das 20h, o aplicativo funcionava normalmente, mas apresentava problemas, como a duplicacão dos dados vacinais e também a falta de registro de doses já tomadas.

O ConecteSUS estava fora do ar desde 10 de dezembro, quando um ataque hacker atingiu sistemas do Ministério da Saúde. Na madrugada do domingo (12) para a segunda-feira (13), um novo ataque comprometeu emails, telefones e a intranet do Ministério da Saúde. Servidores chegaram a ser dispensados do trabalho, e a PF (Polícia Federal) foi acionada para investigar a invasão.

A principal característica desse tipo de ataque é que os crackers — nome utilizado para designar pessoas que têm conhecimentos de informática e os utilizam para fins de ataques e fraudes — exigem dos donos dos dados um resgate para a devolução das informações.

O Ministério da Saúde criou uma página alternativa para a emissão temporária do documento. Mesmo assim, decidiu adiar a exigência do comprovante de vacinação dos viajantes que entram no país.