Manaus – Essa semana é marcada por uma das maiores comemorações religiosas do mundo: o Corpus Christi. A festa católica, cujo o nome significa ‘Corpo de Cristo’, acontece nessa quinta-feira (16), com a celebração de missas às 07h30 e às 10h na Catedral Metropolitana de Manaus, Praça Osvaldo Cruz, bairro Centro, zona sul da capital.

Além disso, às 16h30, será realizada a missa campal no cruzamento da Av. Eduardo Ribeiro com a rua Saldanha Marinho, seguida da procissão às 17h30 com os fiéis que seguirá o trajeto pela Av Sete de setembro, rua Joaquim Nabuco, e rua Dez de Julho, voltando para o ponto de partida na Av. Eduardo Ribeiro. Por fim, no local, será realizada a adoração do santíssimo às 19h30. Estima-se que em torno de 60 mil pessoas compareçam para a comemoração.

Para o padre Joaquim Hudson, pároco da Catedral, o clima é de alegria e a expectativa é alta para a celebração desse ano.

“Nossa expectativa é de uma grande participação do povo de Deus. Vimos isso em Pentecoste, vimos a alegria do povo de querer se encontrar e celebrar, e isso não será diferente na solenidade de Corpus Christi. Essa vontade de procissão e de voltar o olhar para Jesus eucarístico é imensa, por isso esperamos uma grande participação de pessoas”, destacou.

O que é Corpus Christi?

A festa da igreja católica celebra o Santíssimo Sacramento da Eucaristia e é o único dia do ano que o Santíssimo Sacramento sai em procissão nas ruas. É uma forma de homenagear o sacrifício feito por Jesus Cristo por toda a humanidade, uma representação e celebração do seu corpo e sangue.

A celebração, que surgiu em Liége, na Bélgica, no século 12, ocorre sempre 60 dias após o domingo de Páscoa, que representa a ressurreição de Jesus Cristo. A data é celebrada obrigatoriamente em uma quinta-feira. Isso acontece como uma simbologia pelo fato de que a Última Ceia ocorreu em uma quinta-feira, segundo a tradição.