O apresentador de TV José Luiz Datena decidiu deixar o PSL e migrar para o PSD, presidido por Gilberto Kassab, e disputar uma vaga do Senado Federal por São Paulo. A informação foi confirmada pelo presidente do partido.

Em junho, Datena já se filiava ao PSL e foi lançado como pré-candidato à Presidência em 2022. Este é o terceiro partido do apresentador neste ano. Antes, ele já tinha passado pelo MDB.

O PSD filiou nesta semana o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (MG), que deve ser o candidato do partido a sucessão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em 2022.