Amazonas – O Delegado, Paulo Mavignier, conhecido como Muralha foi exonerado, a pedido, do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc) da Policia Civil para disputar uma das 24 vagas de Deputado Estadual na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.

“Hoje, encerro de forma honrosa mais um ciclo da minha vida após seis anos como diretor do DENARC AM.
Neste dia, foi publicada minha exoneração, A PEDIDO, pois decidi entrar na política, e como pré-candidato a Deputado Estadual, preciso atender aos requisitos da Lei Eleitoral.

Quero agradecer primeiramente a Deus, a minha família pelas horas e dias de ausência, a minha brilhante equipe que esteve ao meu lado lutando bravamente para salvar as famílias desse mal que assola nosso Amazonas, que são as drogas. Arriscamos nossas vidas por pessoas que não nos conhecem e possivelmente nunca saberão o que já fizemos pela proteção delas, mas valeu a pena.

Quero agradecer também a @delegadaemiliaferraz e ao nosso governador @wilsonlimaam pela confiança depositada e pela forte retaguarda proporcionada para que eu pudesse desempenhar meu trabalho com segurança e meios necessários para acumular a marca recorde de 23 toneladas de drogas apreendidas nesses seis anos, o que representa um prejuízo de aproximadamente UM BILHÃO DE REAIS, ao crime organizado.

Sigo firme na nova missão, e desejo a minha grande amiga, competente e guerreira, @tamara_cunha sucesso e proteção à frente da direção do DENARC.

Muito obrigado aos que confiaram!

NÃO ÀS DROGAS, SIM À FAMÍLIA!!!”; publicou Muralha em sua redes sociais.

Popularidade em Alta

Até o momento a publicação de Muralha ja tem mais de 1.330 curtida e muitos comentários de apoio.