Foto: Divulgação

Treinador não resistiu à queda na decisão da Libertadores para o Palmeiras e iminente perda do título brasileiro para o Atlético-MG

Dois dias após o vice-campeonato da Libertadores, o Flamengo anunciou na tarde desta segunda-feira (29) a saída do técnico Renato Gaúcho.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal”, escreveu o clube nas redes sociais.

 

Nesta terça-feira, contra o Ceará, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, o auxiliar Maurício Souza é quem estará à beira do gramado.

Renato chegou à Gávea em 10 de julho, para substituir Rogério Ceni. O início foi animador, com goleadas em sequência, mas o rendimento caiu e a situação mudou, principalmente após a eliminação na Copa do Brasil. A distância para o Atlético-MG no Brasileirão também gerou críticas e a derrota na final da Libertadores, para o Palmeiras, foi o estopim.

Ao todo, ele comandou o Rubro-Negro em 38 jogos, com 25 vitórias, oito empates e cinco derrotas, um aproveitamento de 72,8%.

 

 

Fonte: R7

Foto: Divulgação