Dia 13 de julho é o consagrado Dia Mundial do Rock. O estilo musical que nasceu na década de 1940, nos Estados Unidos, como rock and roll, chegou ao Brasil pouco tempo depois, já na década de 1950. A guitarra é o instrumento chave do ritmo, que encanta pelo estilo rebelde de se vestir, pesando sempre o tom preto, camisas de bandas, adereços metálicos e simbólicos, e algumas vezes cabelos e unhas também pintados de preto, ressaltando a identidade de um verdadeiro rockeiro.

Em Manaus, segundo o radialista e pesquisador musical Marco Antônio, o cenário do rock nasce ainda em 1960, após uma apresentação de abertura de show, no Teatro Amazonas.

“O registro mais aproximado aconteceu nos anos 60, quando Joaquim Marinho, junto com alguns amigos de escola, abriram o show de Sergio Murilo (um dos pioneiros do rock no Brasil) no Teatro Amazonas. Na ocasião, Joaquim Marinho cantou músicas de Elvis Presley e Pat Boone. E também foi Joaquim que apresentou o rock and roll para os moradores de Manaus através do seu programa Chegou a Hora do Rock, na rádio Baré”, conta.

Da década de 1940 pra cá, o cenário do rock em Manaus, só cresceu, e segundo Marco, as bandas autorais tem ganhado mais espaços.

“A cena rock de Manaus é bastante movimentada, e pode ser comprovada pela movimentação dos locais que abrem espaço para o estilo e pelo público que comparece a shows internacionais e nacionais, como aconteceu recentemente com Nepalm Death e os irmãos Cavaleras (Sepultura), e com várias bandas se apresentando quase todo fim de semana, incluindo bandas com trabalhos autorais, que têm ganhado espaço nas casas de shows. Mais ainda predomina as bandas covers. Em termos de gravações, a primeira banda autoral do amazonas a lançar um EP foi a Flash, superbanda de rock clássico formada por Beto Rock (guitarra e vocal), Sergio White (bateria e vocal), Beto Lee (baixo) e Ali (teclados)”, lembra.

Uma das bandas que se destacam pelo trabalho autoral está a Pacato Plutão, criada em 2012 com o encontro dos amigos Marcelo Seráfico, Cynara Lima e Leonardo Lima.

Há, em Manaus, alguns locais que apresentam o rock aos clientes, entre bares, restaurantes e casas de shows, segue algumas dicas de onde encontrar a galera do rock.

Porão do Alemão
Bandas de rock em clima intimista, drinques e petiscos, como salsichão e bandeja de frios, e iluminação baixa.

Horário: terça a sábado, a partir das 17h
Endereço: Tv. Ponta Negra, 1986 – São Jorge

Ferrugem Rock Gourmet
Boteco com almoço executivo, petiscos com toque gourmet, rock nas caixas, mesas no píer e clima descontraído.

Horário: terça à sábado, a partir das 11h
Endereço: Av. Pedro Teixeira, 1000 – Dom Pedro

Red Dog
Bar com variedade de drinques, cervejas e aperitivos, atmosfera alternativa e noites com shows de rock.

Horário: quarta à segunda, a partir das 17h
Endereço: Rua Rio Içá, 1012 – Nossa Sra. das Gracas

*Com informações do P. Amazônia.