Amazonas –  Visando a capacitação profissional e geração de oportunidades, 20 reeducandos da Unidade Prisional de Tefé (UPT), município a 523 quilômetros de Manaus, receberam o certificado de capacitação profissional no curso de eletricista instalador predial de baixa tensão.

A certificação faz parte de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), a Secretaria de Educação e Desporto (Seduc) e o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) através do programa Novos Caminhos.

É a primeira vez que uma unidade prisional do interior do estado promove esse tipo de certificação profissional aos reeducandos. O curso teve uma carga horária de 160 horas e durou três meses.

Durante a cerimônia de certificação, que ocorreu na sede do 3º Batalhão da Polícia Militar de Tefé, na manhã desta quinta-feira (28/07), três reeducandos também foram certificados pela conclusão do Ensino Médio através do programa Ensino Educação de Jovens e Adultos (EJA), da Escola Estadual Eduardo Ribeiro.

O diretor da UPT ressaltou a importância do trabalho de ressocialização desenvolvido pela Seap.

“A Seap tem uma grande preocupação em promover dignidade aos reeducandos de todo o sistema prisional, em especial os do interior do Amazonas, neste caso Tefé. A partir de agora esses formandos poderão planejar um futuro mais promissor, obter o sustento da família através do seu trabalho. Já temos reeducandos fazendo faculdade, e isso nos enche de orgulho”, finalizou Oney.

“Hoje é um dia muito importante para mim. Meus familiares presentes nesta cerimônia, felizes, não tem preço e só mostra o quanto eu estou evoluindo. Agora tenho uma formação profissional e poderei ganhar meu sustento de forma digna”, disse o interno Eric

Outros cursos estão sendo promovidos através da parceria entre Seap e Cetam para profissionalizar os reeducandos de todo sistema prisional.

Estiveram presentes no evento o Juiz de Direito da Comarca de Tefé, Rômulo Garcia; o diretor da unidade prisional de Tefé, Oney Cavalcante; o diretor da Escola penitenciária (Esap) Tenente Tales Renan; e a chefe do Departamento de Reintegração Social e Capacitação (Deresc), Keyla Prado.

Também participaram a chefe do Departamento de Saúde do Sistema Penitenciário (DSSPAM), Carolina da Motta; a gestora da escola Eduardo Ribeiro, Antônia Dias Ribeiro; o coordenador adjunto do Programa Novos Caminhos, Renan Ribeiro; além de outros colaboradores da Seap, professores do curso, e familiares dos reeducandos.