InícioAMAZONASFestival de Parintins 2024: Caprichoso é tricampeão do 57º Festival e soma...

Festival de Parintins 2024: Caprichoso é tricampeão do 57º Festival e soma 26 títulos na história do Touro da Francesa

O terceiro título de campeão consecutivo estava sendo aguardado por 28 anos pela nação azul e branca

O Boi Caprichoso se consagra o tricampeão do 57º Festival de Parintins, com um décimo de vantagem do Boi Garantido com o total de 1.259,3 pontos. A nação azulada levou para o Bumbódromo de Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus) o tema “Cultura: o Triunfo do Povo” e conquistou o 26º título da agremiação do Touro da Francesa.

Depois de 28 anos, o tricampeonato chegou para o Caprichoso na gestão do presidente Rossy Amoedo. Criado nos galpões de alegorias do Caprichoso, sendo o primeiro artista plástico da história a presidir o bumbá, Rossy dedicou o título, sobretudo, aos profissionais dos bastidores. “Eu dedico tudo isso aos nossos companheiros de trabalho. Eu vim do galpão, é muito orgulho pra mim ser artista, presidente do Boi, e dedico a todos esses trabalhadores, colaboradores, costureiras, soldadores, ao nosso Conselho de Arte, toda a nossa diretoria, todo mundo que nos ajudou a chegar até aqui”, declarou o presidente.

Ele disse ainda que foi um dia muito especial para toda família azul e branco, que brindaram com muita felicidade o título. “E vamos comemorar hoje, faz muito tempo, eu era criança quando nós fomos tricampeões. E essa criança hoje realiza um grande sonho, poder estar aqui neste momento”, destacou.

O troféu de campeão foi erguido pelo presidente e conduzido até o galpão do Caprichoso para dar início à festa da vitória azulada. “Valeu muito a pena aquela galera, desde as seis da manhã até a hora da entrada do Bumbódromo. É uma emoção muito grande!”, comemora a torcedora Flávia Guimarães.

Visitantes de Manaus e outros estados assíduos no Festival de Parintins, ou participando pela primeira vez, acompanharam o trajeto comemorando o tricampeonato. “Eu sou manauara, mas sou parintinense com a estrela que pulsa no meu peito! Eu venho todo ano! E isso aqui é toda expressão, todos os sentidos da minha vida, é o boi Caprichoso”, se declara Leandro Reis. “Eu sou de Maceió. Vim para cá pela primeira vez e acompanho o Caprichoso há muito tempo. É um sonho tá aqui. Caprichoso Tri”, revela Camila Cavalcante.

Apuração

A abertura da mesa foi realizada pelo secretário de Economia Criativa do Estado, Marcos Apolo Muniz e a apuração foi conduzida pelo presidente da comissão julgadora, Beto Brandão e representantes dos bumbás. Os bois Caprichoso e Garantido foram avaliados por nove jurados que atribuíram notas para 21 itens, divididos por blocos: Comum/Musical, Cênico Coreográfico e Artístico.

O 57º Festival de Parintins foi realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. Nos dias 28, 29 e 30 de junho, os bumbás Caprichoso e Garantido levaram grandes espetáculos para a arena do Bumbódromo.

“Era perceptível que seria uma disputa muito acirrada, a diferença de apenas um décimo, e aí o Caprichoso leva o tricampeonato do festival e é tri também no Recicla Galera essa ação da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que visa trabalharmos essa questão da sustentabilidade e incentivar as pessoas a participar da reciclagem dos resíduos gerados aqui no festival”, disse o secretário se referindo à ação, onde o Caprichoso destinou mais de 13 mil quilos de materiais para reciclagem, rendendo à agremiação uma premiação no valor de R$ 20 mil.

O secretário destacou ainda que o Governo do Amazonas realizou um dos maiores festivais e citou ainda o projeto do novo Bumbódromo. “No ano que vem vamos fazer maior ainda com a proposta do novo Bumbódromo, que vai passar agora pelas etapas de contratação de projetos. Ainda tem aí algumas etapas a serem vencidas, até começarmos a obra, mas já fica aí a expectativa de uma reestruturação de todo esse espaço”, ressaltou.

 

Fonte: SEC

Foto: Marcely Gomes



Artigos Relacionados

LEIA MAIS