O Governo do Amazonas realizou, nesta segunda-feira (20/09), a entrega de cheques-pagamento para duas associações do setor primário do município de Maraã (a 634 quilômetros de Manaus), beneficiadas por meio de edital do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS). No total, foram R$ 299.500 investidos nas duas associações, beneficiando 1.032 famílias direta e indiretamente.

A Associação dos Produtores Rurais do Igarapé do Ferrujo recebeu cheque-pagamento no valor de R$ 150.000 para a aquisição de um trator agrícola e uma lâmina frontal. Com os implementos, a associação, que atende 130 famílias direta e 52 indiretamente, poderá ter aumento de produção, redução do esforço manual durante a abertura das áreas e diminuição considerável nos custos com mão de obra.

Os equipamentos permitirão ainda a otimização e viabilidade da obtenção de altas produtividades, principalmente para o cultivo de mandioca, contribuindo para o meio ambiente com uso intensivo do trator agrícola, reutilizando áreas de capoeiras e deixando de abrir áreas em matas virgem, favorecendo assim o meio ambiente.

A associação produz e comercializa abóbora, couve, cebolinha, alface, mandioca, banana-pacovã, melancia, batata-doce e açaí.

Já para a Associação de Pescadores e Pescadoras Profissionais Artesanais do Município de Maraã (Aspem), o cheque-pagamento no valor de R$ 149.500,00 servirá para a aquisição de uma lancha com motor de popa 115 HP acoplado, que trará benefícios como a promoção do desenvolvimento social da produção oriunda dos associados, aumento da produtividade e escoamento da produção mais eficiente e com rapidez.

O equipamento vai possibilitar ainda melhorias no convívio social e ambiental de seus produtores, aumento de renda dos agricultores familiares indígenas, e o apoio às ações de proteção dos recursos pesqueiros do complexo de lagos Acapu-Mamirauá, como forma de garantir a produtividade pesqueira da área e a geração de renda aos associados que integram o Plano de Manejo.

A Aspem atende 540 famílias direta e 310 indiretamente, e tem como produção e comercialização o pirarucu, surubim, tambaqui, pacu, e o aruanã.

FPS – O Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza atua fomentando projetos autossustentáveis, de geração de emprego, renda e inclusão social, que garantam os direitos dos idosos, crianças, adolescentes, pessoas com deficiência e pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica.

FOTOS: Divulgação/FPS