TCE


Viralizou nas redes sociais um vídeo de uma mulher sendo esfaqueada pelo ex-companheiro que acabou sendo morto pelo ex-genro da vítima. A mulher continua internada em um hospital e terá de passar por uma cirurgia de reconstrução do rosto, segundo a Polícia Civil.

O caso aconteceu em Carapicuíba, Grande São Paulo, no dia 19 de janeiro, no momento que a vítima foi na casa do agressor para buscar o filho deles. O vídeo mostra que a mulher sai correndo por uma rua para tentar fugir do homem que consegue acertar golpes de facas nela.

Em seguida, aparece um outro homem que estava acompanhada a vítima até o local. De acordo com a polícia, ele foi casada com a filha da mulher e é ex-genro dela.

Além disso, o homem tem registro de Colecionador, Atirador desportivo e Caçador (CAC) e saiu de um carro com uma arma na mão e disparou contra o agressor.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas o ex-companheiro da mulher não resistiu ao tiro e morreu. A mulher ferida foi levada para um hospital onde segue internada.

A vítima teve diversos ferimentos e um corte profundo entre o queixo e o pescoço. O caso, registrado como tentativa de homicídio, homicídio e violência doméstica.

Segundo o 2º Distrito Policial (DP) de Carapicuíba, investiga o caso. Em 2010, a vítima já tinha registrado um boletim de ocorrência contra o ex-companheiro por violência doméstica. Na ocasião, ela conseguiu uma medida protetiva contra o homem.