Uma influencer de Manaus, identificada como Lurdiane prestou depoimento, nesta segunda-feira (12), na Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) após suspeita de que ela teria torturado o próprio filho, uma criança de apenas 3 anos de idade.

A blogueira fez publicações de pedido de desculpas ao filho pequeno por agressões em “momento de raiva” feitas ao menino, por conta do ex-marido. Vídeos que se espalharam na internet, nesta segunda-feira (12) mostram Lurdiane oprimindo a criança de forma truculenta, enquanto a mulher xinga o ex-marido, que foi identificado apenas como Cristiano Lima Martins.

“Tu vai ver, quando tu vai ver aquele corno do fuleiro do teu pai, que ele é um fuleiro. Ele te odeia, o Cristiano, e tu vai apanhar se tu perguntar por esse fuleiro”, diz Lurdiane em um vídeo enquanto o menino esfrega os olhos chorando. Em outra gravação feita pela própria influenciar a criança leva palmadas e grita, enquanto Lurdiane faz mais xingamentos. “Aperreia o corno do teu pai, que o teu pai para dar para put* ele tem, para dar pra ti ele não tem não. Eu já te falei, que vai pegar tudo pra ti”, finaliza.

Segundo a polícia, a mulher teria filmado as agressões e enviado ao pai do menino. A delegada da especializada, Joyce Coelho, afirmou que a criança foi levada para um abrigo para, depois, ser acolhido por um familiar, se o Juizado da Infância e da Juventude julgar necessário. O caso será investigado.

Veja vídeo: