AMAZONAS – Um homem, de 48 anos, foi preso nesta terça-feira (22), ao estuprar cinco meninas da mesma família, no município de Itacoatiara (a 176 quilômetros de Manaus). O homem foi preso no bairro da Paz, naquele município.

De acordo com o delegado Paulo Barros, titular da unidade policial, os crimes aconteceram quando as vítimas tinham entre 11 e 12 anos. Segundo Barros, o suspeito preso por estuprar as meninas, havia sido casado com a irmã de uma das jovens, porém, mesmo após a separação, ele manteve amizade com a família dela.

“Por continuar amigo da família, o infrator passou a abusar das meninas, que resultou na gravidez de uma delas, que agora tem 15 anos. No início deste mês, os pais dela vieram à delegacia, informaram sobre o caso e disseram que a menina estava sendo abusada desde os 11 anos pelo indivíduo”, relatou o delegado.

A autoridade policial informou, ainda, que após os pais tomarem conhecimento do crime, chamaram as outras irmãs e sobrinhas que moram na mesma casa para conversar, ocasião em que elas afirmaram que também sofriam os abusos praticados pelo mesmo homem.

“Ele se aproveitava da confiança dos pais para praticar o crime. Além disso, pelo fato das meninas serem humildes, ele prometia presentes e, posteriormente, cometia o crime em um quarto que ele possui em seu local de trabalho”, explicou o titular.

O homem responderá por estupro de vulnerável e ficará custodiado na Unidade Prisional de Itacoatiara, onde ficará à disposição da Justiça.

PARECIDO

Um caso parecido ocorreu em um estado brasileiro. Um homem estuprou crianças de uma igreja e confessou que os abusos eram frutos de um pacto com o diabo.

Após a sua prisão por estuprar os menores, em uma cidade de Mato Grosso do Sul, a defesa de um homem, ‘irmão de igreja’ dos pais das vítimas abusadas, tentou pela absolvição dele por falta de provas, o que foi negado pela Justiça.