Uma professora de 67 anos registrou um boletim de ocorrência por importunação sexual contra um motorista de aplicativo em Santos, no litoral de São Paulo, nesta sexta-feira (4). A vítima relatou à polícia que o homem se masturbou durante a corrida. A empresa informou que ele teve a conta desativada da plataforma após o episódio.

O fato aconteceu no último domingo (27) de fevereiro, a idosa contou que solicitou uma corrida aplicativo e que, no trajeto, do bairro Boqueirão à Avenida Bartolomeu de Gusmão, no Embaré, observou o motorista colocar a mão entre as pernas, começando a ser masturbar.

Ao parar no semáforo mais próximo, a mulher começou a gritar e desceu do veículo. Ela registrou a denúncia na plataforma além de um boletim de ocorrência por importunação sexual.

O cidadão infrator teve sua conta banida da plataforma assim que a empresa tomou conhecimento do ocorrido. Não foi informado qual o aplicativo e nem o nome do motorista.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) confirmou que o ocorrido foi registrado como importunação sexual no 7º DP de Santos, e é investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) do município. A investigação tramita sob sigilo, por se tratar de crime sexual.

Fonte: https://www.correiobraziliense.com.br/brasil/2022/03/4990467-motorista-e-expulso-de-aplicativo-apos-se-masturbar-em-corrida-com-idosa.html