“Todo dia era um insulto, uma ameaça, um verdadeiro terrorismo psicológico. Fui pra arena com muita dor física e esgotamento mental, pensei em desistir inúmeras vezes, queria sair gritando e ser liberta de toda injustiça que eu estava a viver, contudo, fiz uma promessa pra vocês galera VERMELHA E BRANCA, foi difícil, mas eu consegui! Calei todos que duvidaram e principalmente aqueles que me subestimaram!”, acrescentou.

Leia na íntegra

Minha amada nação vermelha e branca, sei que demorei pra falar com vocês, mas hoje venho me pronunciar a respeito do que foi o Festival de Parintins de 2022 para a minha pessoa.

Precisei de um tempo para reorganizar minha cabeça, precisei pensar em tudo que vivi, vi e infelizmente tive que ouvir… Resumindo: Foram 2 anos difíceis, porém 2022 não teve comparação, junho foi o mês no qual eu mais sofri, sofri calada e quem conviveu comigo sabe o quanto eu precisei ser forte para seguir com meu ofício de defender o pavilhão do nosso amado Boi Garantido.

É uma grande demagogia você querer defender na arena histórias de mulheres e fazer MULHERES sofrerem por não agirem como outras! (atitude esta que eu abomino).
Todo dia era um insulto, uma ameaça, um verdadeiro terrorismo psicológico. Fui pra arena com muita dor física e esgotamento mental, pensei em desistir inúmeras vezes, queria sair gritando e ser liberta de toda injustiça que eu estava a viver, contudo, fiz uma promessa pra vocês galera VERMELHA E BRANCA, foi difícil, mas eu consegui! Calei todos que duvidaram e principalmente aqueles que me subestimaram! Estou aqui tratando de uma lesão onde precisei suportar durante as três noites, o que mostra o quanto fui resiliente em meio a este festival.

Dito isto, venho por meio desta publicação informar que: Eu, Daniela, filha, mãe e principalmente MULHER, deixo o item 05 Porta Estandarte do Boi Bumba Garantido à disposição da Associação Folclórica Boi-Bumbá Garantido, pois eu e as pessoas que me amam não merecemos passar por tantas coisas que nenhuma pessoa deveria passar.
Sou muito grata por tudo de BOM que vocês me proporcionaram, Nação! Somente vocês para fazer eu encontrar forças e seguir com meu papel que era de ajudar o nosso amado boi.
Grata ao meu bloco B por não me deixar sucumbir a tanto destrato e perseguição, eu amo vocês e estarei aqui sempre por vocês. Obrigada aos meus coordenadores vocês lutaram por mim isso eu nunca irei esquecer, tenham a mais absoluta certeza disso . Fonte: Portal do Holanda