A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), participou neste domingo, 5/9, de uma ação social realizada pela comunidade Nova Aliança, localizada no ramal da União, BR 174, Polo 2 da Agricultura Familiar. O evento contou com a participação de médicos, dentistas e assistentes sociais.  Durante a visita, a equipe do Departamento de Agricultura e Abastecimento da Semacc, realizou o censo agropecuário na comunidade e distribuiu kits de sementes.

De acordo com a diretora do Departamento de Agricultura e Abastecimento da Semacc, Meyb Seixas, a equipe está tentando apoiar todas as demandas que chegam à secretaria e participar delas. Dessa forma, a pasta contribui com as ações comunitárias, ao mesmo tempo em que conhece e vivencia as dificuldades do homem do campo.

 

“Estamos fazendo os cadastros dos produtores rurais, a entrega de kits de sementes de hortaliças e trazendo as informações sobre o que a prefeitura faz, de que forma pode contribuir e quais os planos de governo voltados para a zona rural de Manaus, através do Plano Safra, que foi lançado recentemente pelo prefeito David Almeida e pelo secretário da Semacc, Renato Júnior”, destacou a diretora.

 

Para a presidente da comunidade Nova Aliança, Veraluce Diniz, além de problemas no escoamento dos produtos e da falta de energia no ramal, entre as principais dificuldades está a falta de conhecimento técnico para o plantio e manejo adequado dos produtos. Ela aproveitou a presença da equipe da Semacc, para pedir a realização de cursos de qualificação que garantam mais conhecimento e o direito à carteirinha de agricultor rural.

 

“A gente sabe plantar no nosso jeito, da maneira que nossos pais nos ensinaram, mas hoje, com a tecnologia mais avançada, muitas vezes as pessoas não sabem trabalhar adequadamente, então nós estamos precisando de cursos de horticultura pra gente saber como trabalhar, como manejar e se não tiver a técnica, não temos direito à nossa carteirinha de agricultor”, explicou Veraluce Diniz.

 

Durante toda a manhã, 51 pessoas participaram da ação social, 49 cadastros de agricultores familiares e produtores rurais foram realizados e 49 kits de sementes de jerimum, coentro e cebolinha, distribuídos. Houve também serviço de orientação técnica aos agricultores presentes.