InícioVARIEDADESPrefeitura realiza visitas técnicas para acompanhar profissionais do projeto ‘Manaus Mais Proteção...

Prefeitura realiza visitas técnicas para acompanhar profissionais do projeto ‘Manaus Mais Proteção Social’

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), deu continuidade, nesta quarta-feira (03), ao cronograma de visitas técnicas de acompanhamento dos profissionais contratados por meio do projeto “Manaus Mais Proteção Social”, parceria firmada com a Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental (Aadesam).

Ao longo desta manhã, a equipe de gestão do projeto visitou os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) Compensa 1 e 2, na zona Oeste da capital, para ouvir os profissionais, seus superiores e usuários atendidos, a fim de avaliar seu rendimento e principais demandas.

“Esses técnicos foram contratados para atuar nos equipamentos socioassistenciais, qualificando os atendimentos realizados junto aos usuários, então é fundamental que visitemos cada equipamento para que seja possível acompanhar a atuação de cada colaborador que foi contratado pela Aadesam, ouvindo suas experiências, principais desafios e afins”, explicou Cibele Freitas, supervisora do projeto “Manaus Mais Proteção Social”.

Uma das profissionais visitadas foi Ester Ferreira, psicóloga alocada no Cras Compensa 1. Compondo a equipe técnica de referência da unidade, Ester destacou a experiência vivida ao trabalhar pela primeira vez em um equipamento de atendimento socioassistencial.

“Tem sido uma experiência muito positiva, pois é um trabalho em que a todo momento você se encontra em contato com a comunidade, fazendo escutas e buscando entender os problemas e as necessidades de cada um. Num ambiente como esse não tem mistério, é preciso trabalhar com amor e dedicação ao próximo”, disse.

Manaus Mais Proteção Social

O projeto “Manaus Mais Proteção Social” é uma parceria celebrada entre a Aadesam e a Prefeitura de Manaus, para o fortalecimento da política pública de assistência social na capital amazonense.

Mais de 70 assistentes sociais, psicólogos, advogados, orientadores sociais, cuidadores e outros profissionais foram contratados por meio de processo seletivo e alocados em diferentes equipamentos de atendimento socioassistencial administrados pela prefeitura.

Texto – Guilherme Pacheco/Semasc
Fotos – Diego Lima/Semasc



Artigos Relacionados

LEIA MAIS