Equipes de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), prenderam na tarde desta segunda-feira (3), Whilso de Carvalho Santana, suspeito de matar a facadas e ainda tentar queimar o corpo da própria companheira, a diarista Verônica Sena dos Santos, de 37 anos. O caso ocorreu no último sábado (1), no bairro do Morro na Liberdade, na Zona Sul.

Segundo informações da delegada Marília Campelo, da DEHS, após o crime, Whilso fugiu para a casa de um familiar, na Zona Norte, no entanto, a polícia descobriu onde ele estava, e no momento que se preparava para fazer a detenção, Whilso teria notado a presença da polícia e tentou se matar enfiando uma faca de cozinha no pescoço, e fazendo ferimentos pela barriga; Uma navalha também estava em posse dele, o que leva a delegada a acreditar de que ele planejava atacar a equipe de investigação.

Whilso foi levado para o hospital Platão Araújo, para tratar sobre ferimentos.

Após procedimentos clínicos, o suspeito foi levado para a delegacia, onde irá prestar esclarecimentos.