TCE
A primeira-dama disse que irá processar o primo pelas acusações
Uma enorme polêmica está acontecendo após a morte de dona Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 80 anos, avó de Michelle Bolsonaro, que faleceu nesta quarta-feira (11), vítima da Covid-19.
O primo da primeira-dama, o youtuber brasiliense Eduardo D’Castro, acusa ela de negligenciar e deixar a avó completamente sem assistência. O rapaz chegou a divulgar uma conversa que teve com Michelle na qual ela o xinga.
“Sim, sou primo da criatura. A pessoa mais ingrata que eu já conheci na minha vida”. “Como vocês viram, ela disse que vai me processar, me xingou, desceu o nível – nem parece que é uma primeira-dama”, alfinetou ele.
De acordo com Eduardo, a primeira-dama sentia vergonha da avó, e mesmo tendo condições de ajudar a idosa, não fez nada.
Michelle inclusive não se manifestou sobre a morte da avó nas redes sociais, e só depois da exposição de sua discussão com o primo, ela divulgou em seus Stories uma nota lamentando a morte da avó e acusando alguns parentes desrespeito e oportunismo.