Projeto de lei, de autoria do deputado estadual Belarmino Lins (PP), institui a Campanha de Conscientização para Doação de Medula Óssea, a ser realizada anualmente no mês de dezembro no Estado do Amazonas. O PL tramita nas comissões técnicas da Assembleia Legislativa (Aleam).

A Campanha de Conscientização, de acordo com o parlamentar, orientará a população sobre os procedimentos necessários para o cadastro de doadores e sobre a importância da doação de medula óssea. As ações ocorrerão mediante parcerias com órgãos e instituições públicas e privadas.

Em simetria com a Semana de Mobilização Nacional para a Doação de Medula Óssea, comemorada entre 14 e 21 de dezembro, sob a coordenação do Instituto Nacional de Câncer, o PL de Belarmino Lins determinará a inclusão da Semana de Conscientização de Doação de Medula Óssea no Calendário Oficial do Estado.

Importância do REDOME

Segundo o líder progressista, a Campanha terá como propósito maior contribuir para a atualização do REDOME (Registro Nacional de Portadores Voluntários de Medula Óssea). “Nossa intenção, sobretudo, é humana, enfatizando o nosso dever fundamental de ajudar a salvar vidas. Entendemos ser importante a doação da medula óssea para que muitas vidas sejam preservadas”, afirma o deputado.

A medula óssea desempenha papel relevante no desenvolvimento das células sanguíneas. Ela mantém-se em atividade intensa e ininterrupta para produzir células sanguíneas e depende de abundante e contínuo suprimento de substâncias. “Daí ser altamente nobre o papel do doador. Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar medula óssea”, diz o parlamentar.

“Graças a Deus, as doações têm aumentado expressivamente nos últimos anos, especialmente devido às campanhas de sensibilização da população. Mas os números precisam ser ainda maiores. Quanto mais doadores estiverem à disposição, maiores são as chances de encontrar medulas compatíveis. Por isso propomos a Semana de Conscientização de Doação de Medula Óssea no Amazonas”, completa Belarmino.