Alegria, descontração e reconhecimento marcaram o início do mês de junho para as quadrilhas juninas do Amazonas, que receberam nesta quarta-feira, 8, uma homenagem na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), a partir de uma iniciativa do deputado Adjuto Afonso (UB). O grupo é coordenado pela Liga das Quadrilhas Juninas do Amazonas (Liquajuam), que agrega cerca de 43 quadrilhas na capital e interior.

Autor da Lei 3.883/2013, que instituiu o Dia do Quadrilheiro Junino no Estado do Amazonas, o deputado Adjuto Afonso ressaltou que acompanha o movimento há 20 anos, desde o seu primeiro mandato.

“É com grata satisfação que sou o autor dessa lei. E, hoje, é um prazer maior estar celebrando aqui com vocês essa data. Já são quase 20 anos caminhando juntos e sempre fiz isso com orgulho, por conhecer o trabalho dos quadrilheiros juninos, que além de dançar, divulgam a nossa cultura, e dão aos jovens e adolescentes uma alternativa de vida. O movimento gera, ainda, emprego e renda durante quase todo o ano, durante as realizações dos ensaios, festas para arrecadar recursos, e muito mais. É inquestionável o legado que vocês vêm deixando”, destacou o deputado.

O secretário de estado de cultura, Marcos Apolo Muniz, esteve no evento representando o governador Wilson Lima (UB), parabenizou os quadrilheiros juninos e falou da importância do retorno do festival folclórico após a pandemia.

“A gente compreende a importância do Festival Folclórico do Amazonas, não só para a cultura e tradição, mas, acima de tudo, para a geração de trabalho e renda. A orientação do governador Wilson Lima é que a gente preste todo o apoio necessário, e faça o que for preciso para fazer um festival histórico nessa retomada da economia e da cultura. Estamos retornando com o festival para a antiga Bola da Suframa, no Centro Cultural Povos da Amazônia e estaremos esperando o público com uma estrutura diferenciada”, destacou Marcos Apolo.

O representante do prefeito David Almeida (Avante), Jonathan Ribeiro, diretor de cultura da Manauscult, enfatizou as palavras do secretário sobre as expectativas e preparativos para os festejos juninos no Centro Cultural Povos da Amazônia, onde a presença dos quadrilheiros juninos está garantida.

“A pedido do prefeito David Almeida, a nossa intenção é fazer tudo da melhor maneira possível, que trabalhemos para que possamos fazer o maior festival folclórico de todos os tempos. Este ano, do dia 12 até o dia 23, estaremos realizando o festival na categoria prata e bronze, com um total de 69 entidades que estarão se apresentando na Bola da Suframa”, reforçou Jonathan Ribeiro.

Uma placa foi entregue ao presidente da Liquajuam, Elson Rocha, em reconhecimento ao trabalho da liga, que agrega cerca de 43 quadrilhas juninas no Estado do Amazonas. Os representantes das agremiações presentes também receberam certificados da Casa Legislativa, como forma de homenagem pelo trabalho realizado.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Dep. Adjunto Afonso

Foto: Ney Xavier