Cerca de 9.600 doses de vacinas contra a Covid-19 foram desperdiçadas no dia 11 de maio durante a distribuição para o município de Governador Valadares, em Minas Gerais. A informação foi confirmada pelo governo do Estado, nesta semana.

Conforme o UOL, as vacinas estavam sendo transportadas de avião e durante o percurso, uma das caixas de armazenamento teve um problema técnico, que levou a uma variação de temperatura que comprometeu as doses.

“No entanto, não foi identificada nenhuma falha na montagem da caixa de transporte, que são validadas pela Central Estadual de Rede de Frio”, diz um comunicado enviado pela secretaria estadual de saúde.

“Durante a distribuição das 28 remessas pela Rede de Frio Estadual, esta foi a única que apresentou ocorrência de excursão de temperatura, o que corresponde a 0,07% de todas as doses distribuídas”, diz trecho do documento. Até o dia 25 de junho, foram descartadas 11.764 doses de vacinas contra a covid-19 no estado. O descarte é feito após avaliação do Ministério da Saúde.

Falta de energia, falha em equipamentos, falha no transporte e vandalismo são as principais causas para inutilização de imunizantes.

Fonte: Quase 10 mil doses de vacina são perdidas durante transporte (defatoonline.com.br)