TCE


Botafogo e Santos travaram duelo neste domingo, no Estádio Niltos Santos

 

O Santos deu um golpe forte no estado de ânimo do Botafogo ao buscar o empate por 1 a 1 já no fim da partida disputada no Nilton Santos, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Danilo Barbosa abriu o placar na primeira etapa, mas Messias deixou tudo igual. Na briga pela liderança, o Glorioso chega a 62 pontos e torce para que o Palmeiras (62) tropece diante do Fortaleza, neste domingo (26).  O Peixe, por outro lado, chega a oito jogos sem perder e vai para 43 pontos, em 14º lugar.

 
Botafogo e Santos travaram duelo neste domingo, no Estádio Niltos Santos – Foto: Vitor Silva/Botafogo

Primeiro tempo

O Glorioso foi superior nos primeiros 45 minutos e abriu o placar ainda no começo do jogo, em cabeceio fulminante de Danilo Barbosa. A partir daí, o duelo ficou mais físico e com menos oportunidades claras. Os donos da casa deram campo ao Peixe e passaram a apostar nos contragolpes. Os paulistas apresentaram muitas dificuldades para propor jogo, além de marcarem mal no meio de campo e cederem muitos espaços pellos flancos.

Fora de campo: a caravana com os torcedores do Santos chegou ao Nilton Santos apenas aos 40 minutos em decorrência de uma briga com botafoguenses na chegada ao Rio de Janeiro. Alguns dos ônibus que compunham a caravana foram encaminhados para a delegacia.

Segundo tempo

O Peixe voltou com mudanças para a etapa final e melhorou sua produtividade ofensiva logo de cara. Mas a intensidade durou pouco diante de um Botafogo que manteve a postura de esperar para contra-atacar. Faltou ao Glorioso matar o jogo na vezes em que teve superioridade numérica no ataque. Quando o jogo parecia controlado e encaminhava para o triunfo dos cariocas, Messias aproveitou cruzamento na medida de Soteldo para empatar o jogo de cabeça e dar números finais ao placar.

BOTAFOGO 1X1 SANTOS

35ª rodada do Brasileirão Série A
Data e horário: 26/11/2023 às 16h (de Brasília)
Local: Estádio Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)
Público e Renda: 29.387 presentes / R$ 1.107.625,00
BOTAFOGO: Lucas Perri; Danilo Barbosa, Adryelson e Cuesta; Tchê Tchê, Gabriel Pires (Bastos, 38’/2ºT), Eduardo (Luis Henrique, 19’/2ºT) e Victor Sá (Di Placido, 24’/2ºT); Júnior Santos (Segovinha, 38’/2ºT) e Tiquinho Soares (Janderson, 19’/2ºT). Técnico: Tiago Nunes.
SANTOS: João Paulo; Lucas Braga, Messias, Joaquim e Kevyson (Mendoza, 27’/2ºT); Rodrigo Fernández, Camacho (Maxi Silvera, intervalo), Jean Lucas (Weslley Patati, 39’/2ºT) e Nonato (Lucas Lima, intervalo); Soteldo e Marcos Leonardo (Julio Furch, 39’/2ºT). Técnico: Marcelo Fernandes.
Gols: Danilo Barbosa, 10’/1ºT (1-0); Messias, 45’/2ºT (1-1).
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
VAR: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC)
Cartões Amarelos: Gabriel Pires, Danilo Barbosa (BOT); Nonato, Jean Lucas, Lucas Lima (SAN)
Cartões Vermelhos: 

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

 

Fonte: Correio Braziliense

Foto: Divulgação