TCE


Construção da nova estrutura está prevista no Programa de Aceleração do Crescimento

O senador Omar Aziz (PSD-AM) reforçou a necessidade de urgência na construção de um novo Porto de Manaus que atenda à demanda dos passageiros da navegação regional. Com cerca de um milhão de usuários por mês, a estrutura atual do porto foi classificada pelo parlamentar como “arcaica e inadequada”.

Na manhã dessa terça-feira (26), o senador salientou que o valor de R$ 650 milhões para a construção do novo porto já está garantido pelo novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Omar disse ser crucial garantir agilidade na aprovação do projeto da nova estrutura e espera que isso aconteça no próximo ano.

Omar ressaltou ainda a importância da logística e infraestrutura como um para o turismo e outras atividades econômicas, enfatizando que o aeroporto de Manaus também enfrenta problemas na qualidade de serviço prestado à população. O parlamentar criticou também o processo de privatização do aeroporto, afirmando que a situação piorou desde então, não apenas em Manaus, mas em todo o País.

“Quando se fala em turismo, precisamos falar em logística e infraestrutura. Outro triste exemplo que temos é o aeroporto, que hoje está uma brincadeira. A população precisa pagar uma passagem caríssima sem ter o retorno de estrutura condizente. O serviço está péssimo, o aeroporto fecha às 4 da manhã e só abre ao meio-dia. Depois que ele foi privatizado piorou muito, não só em Manaus, mas no Brasil todo”, pontuou Omar.

A construção do novo Porto de Manaus é vista por Omar como uma medida essencial para melhorar a infraestrutura e atender às necessidades dos passageiros e trabalhadores que utilizam a navegação regional na região.

No anúncio do novo PAC, em agosto desse ano, o eixo Transporte Eficiente e Sustentável incluiu investimentos em rodovias, ferrovias, portos, aeroportos e hidrovias em todos os estados do Brasil a fim de reduzir os custos da produção nacional para o mercado interno e elevar a competitividade do Brasil no exterior. O investimento previsto no Amazonas neste eixo é de R$ 5,9 bilhões.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Senador Omar Aziz

Foto: Pablo Brandão