Dia D de mobilização da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo.

Manaus – Os adolescentes de 12 a 17 anos com alto grau de imunossupressão, podem receber, a partir desta sexta-feira, (11), em um dos pontos de imunização da Prefeitura de Manaus, a terceira dose (dose adicional) da vacina contra a Covid-19.

A inclusão da terceira dose no esquema de vacinação foi recomendada pelo Ministério da Saúde, por meio de Nota Técnica nº 8/2022, publicada na última quarta-feira, 9, e, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), deve ser aplicada dois meses após a segunda dose.

A titular da Semsa, Shádia Fraxe, informa que os pontos de vacinação estão preparados para receber o público de 12 a 17 anos, para o qual o Ministério da Saúde também prevê a quarta dose, quatro meses após a terceira dose. “Estamos aguardando nossos adolescentes e, para aqueles que ainda não completaram o esquema primário de duas doses, recomendamos fortemente que façam isso o mais rápido possível”, enfatiza.

A secretária orienta que os adolescentes confiram o prazo recomendado para receber a dose adicional (D3). As datas em que foram aplicadas as primeiras doses podem ser verificadas na carteira de vacinação ou no certificado digital, obtido por meio plataforma Imuniza Manaus (imuniza.manaus.am.gov.br).

De acordo com o Ministério da Saúde, as pessoas como alto grau de imunossupressão são as que têm imunodeficiência primária grave, as que fazem quimioterapia para câncer, as transplantadas, as que vivem com HIV/Aids, as que fazem uso de corticoides em doses iguais ou maiores que 20 miligramas/dia pelo período de 14 dias ou mais, as que usam drogas modificadoras de resposta imune, as que têm doenças auto inflamatórias ou doenças intestinais inflamatórias, os pacientes em hemodiálise e pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

Documentos

Para receber a terceira dose, os adolescentes de 12 a 17 anos com imunossupressão devem ir a um dos pontos de vacinação acompanhados de um dos pais ou de um responsável maior de 18 anos.

É obrigatória a apresentação de um documento de identificação com foto, CPF ou Cartão Nacional do SUS e laudo, exame ou receita – original e cópia, que ficará retida para controle. A relação dos documentos específicos está disponível nas redes sociais da Semsa.

Além do público de 12 a 17 anos, o município já está aplicando a terceira dose em todos que têm de 18 anos em diante, com a segunda dose aplicada há, pelo menos, quatro meses. Para o público de 60 anos e mais, o intervalo para a terceira dose é de três meses. Além disso, já está sendo aplicada a quarta dose em pessoas a partir dos 18 anos, com alto grau de imunossupressão, que tenham recebido a terceira dose há quatro meses.