TCE


Strada é tricampeão em vendas, seguido do Volkswagen Polo. Fiat liderou entre as montadoras com 21% de participação no mercado

 

O Fiat Strada conquistou o posto de carro novo mais vendido do ano pela terceira vez consecutiva. Segundo o Ranking dos grupos de modelos de veículos novos mais vendidos emplacados em 2023, divulgado pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o veículo lidera a venda de carros e ocupa o quinto lugar entre os todos os veículos, atrás das motocicletas CG 160, Biz, NXR160 e Pop 110i, todas da Honda.

O líder do varejo contabilizou 120.599 novas vendas no acumulado de 2023, seguido do Polo, da montadora Volkswagen, com 111.242 unidades. O Chevrolet Onix figurou a terceira posição com 102.042 novas aquisições.

Em 2023, o total de vendas de automóveis e comerciais leves, categorias que abrangem os carros, foi de 2.179.361, um aumento de 11,33% em relação ao ano passado. Uma grande fatia desse número é da Fiat, com 21,28% de participação, seguida pela VW, com 15,83%.

O mercado de automóveis, que engloba carros, motocicletas, caminhões, ônibus, implementos rodoviários e outros, vendeu 4.108.039 novos veículos, uma alta de 12,02%. De acordo com o presidente da Fenabrave, Andreta Jr, o crescimento é resultado das Medidas Provisórias 1175 e 1178, que concederam estímulo fiscal ao setor, além da melhoria do crédito. “A disponibilidade e o custo do crédito têm muita influência na decisão de compra dos consumidores. Com a ligeira melhora na inadimplência, no último trimestre de 2023, percebemos que houve uma maior disponibilização de crédito por parte das instituições financeiras e isso foi captado pelo mercado”, destacou.

Confira os 15 carros mais vendidos de 2023:

Strada — 120.599 vendas;
Polo — 111.242 vendas;
Onix — 102.042 vendas;
Hb20 — 88.905 vendas;
Onix Plus — 74.887 vendas;
Mobi — 73.428 vendas;
T Cross — 72.441 vendas;
Argo — 66.717 vendas;
Tracker — 66.643 vendas;
Creta — 65.817 vendas;
Kwid — 63.317 vendas;
Compass — 59.106 vendas;
Nivus — 52.103 vendas;
Toro — 51.303 vendas;
Kicks — 50.778 vendas.

Fonte: Correio Braziliense

Foto: Divulgação