“É um momento para homenagear e celebrar os 40 anos da Associação Recreativa e Folclórica Quadrilha os Marupiaras, do bairro Petrópolis, e explanar acerca das ações culturais e sociais relativo aos avanços, perspectivas e preservação das tradições da Cultura Popular da Associação”, disse o deputado estadual Adjuto Afonso (PDT), na manhã desta quinta-feira (17), durante Cessão de Tempo de sua autoria, na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

Para o deputado Adjuto Afonso, o grupo folclórico cumpre não só o propósito de preservar a história, os costumes e as tradições populares por meio de apresentações folclóricas, mas também de resgatar jovens através de trabalhos sociais desenvolvidos no bairro.

“Convidamos a presidente da associação, Margareth Graça Soutelo da Silva, para relatar a importância da Marupiaras quanto à preservação das nossas histórias, contada através das lindas apresentações dessa instituição, que sabe que pode sempre contar com o apoio do nosso mandato no que diz respeito à valorização da cultura, destinando sempre emenda parlamentar para ajudar nesse importante trabalho social que a quadrilha desenvolve resgatando e apoiando jovens e adolescentes”, destacou o parlamentar.

Margareth Graça Soutelo da Silva, agradeceu ao deputado Adjuto Afonso pela ajuda e trabalho desenvolvido junto aos mais de 30 grupos folclóricos que o parlamentar apoia.

“Quero agradecer ao deputado Adjuto que, com ou sem mandato, nunca nos abandonou. Nós queríamos que tivesse mais parlamentares como o deputado Adjuto Afonso, que há anos abraçou a nossa causa e é um incentivador do folclore amazonense, sempre colaborando com emenda parlamentar para nossa associação. Nós temos uma bonita história com o senhor deputado, que ajuda diretamente mais de 30 grupos folclóricos e sabe que a nossa quadrilha não só dança, mas nosso ginásio atende também nossa comunidade do bairro com muito sucesso e apoio na vida de adolescentes e jovens”, disparou Margareth.

A Associação Recreativa e Folclórica Quadrilha os Marupiaras completa 40 anos no próximo dia 20 de março. “Os Marupiaras”, cujo significado é “Povo Alegre”, nasceu oficialmente em 1985, na Igreja Católica São Pedro, pelo grupo JEBAM, porém já se reunia com os brincantes desde os primórdios de 1982. É uma das tradicionais quadrilhas folclóricas do Estado do Amazonas, que objetiva proporcionar aos brincantes e à comunidade em geral maior conhecimento dos valores tradicionais, hábitos e costumes característicos da cultura do povo amazonense.

A associação é considerada de Utilidade Pública desde 1991, também faz parte das programações folclóricas e das atividades do calendário cultural em todo Brasil, em 2016 foi certificada e reconhecida como Ponto Cultural do Estado pelo Ministério da Cultura e, desde 2002, conquistou o status de importante representante do Amazonas e da região Norte em festivais nacionais de quadrilhas juninas preservando, sobretudo, as características originais da dança, música e trajes típicos da cultura e costumes amazonenses.

 

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Dep. Adjunto Afonso

Foto: Ney Xavier