TCE


Tributo – Os Originais do Samba é o mais recente trabalho do compositor e produtor musical Paulista. Com mais de 20 anos produzindo artistas do samba no Apê Studio, estúdio de gravação localizado no bairro da Lapa no Rio de Janeiro, em 2013 lançou o selo e produtora Underground Samba Lapa com a distribuição fonográfica em parceria com a gravadora Atração Record do primeiro álbum.

A música de maior destaque foi “Nossa Escola” que traz a participação de Carica e Almir Guineto. Nos anos de pandemia, buscando outras alternativas, passou a explorar tanto o lado da composição como de interpretação, lançando em 2021 o álbum “Samba in Midi”, com composições inéditas bem como participações de parceiro como Moacyr Luz, Sereno FDQ, Junior Itaguai e Mauro Diniz.

O álbum tem um perfil alternativo onde Paulista utiliza os recursos da tecnologia para edição de seus arranjos. Agora em 2023 Lança o álbum “Tributo – Os Originais do Samba”. Um extended play com cinco faixas, resultado de uma pesquisa de repertório da obra deste conjunto referência do samba e da música brasileira.

O álbum traz releituras dos temas com bits e arregimentações próprias contudo respeitando as melodias e as harmonias originais. O repertório traz músicas de Erasmo Carlos e Roberto Carlos ” Eu queria era ficar sambando” gravada em 1970 no álbum “Samba é de Lei”; Billy Blanco “Canto Chorado” gravada em 1969 no álbum Os Originais do Samba 1969, entre outros temas conhecidos como “Do lado direito da rua direita (Chiquinho/ Luiz Carlos), gravada em 1972 no álbum O Samba é a Corda… Os Originais a Caçamba.

 

Foto: Reprodução