Quatro pessoas morreram após serem alvos de um atentado a tiros no bairro Portão, em Curitiba, na noite da última segunda-feira (7). Um casal e duas crianças não resistiram aos ferimentos.

O crime foi registrado por uma câmera de segurança na Rua Pinheiro Guimarães. As imagens mostram o veículo com as vítimas estacionado próximo ao meio-fio, aparentemente aguardando algo. Um segundo carro se aproxima e duas pessoas começam a atirar ininterruptamente.

Os criminosos ameaçam deixar o local, mas, ao notarem que uma pessoa conseguiu escapar, descem do carro e dão início a uma nova série de disparos.

De acordo com informações da Polícia Militar, divulgadas pelo G1, sete pessoas estavam dentro do veículo alvejado, sendo seis baleadas. Uma mulher, um homem e uma criança morreram no local. Uma outra criança foi encaminhada a um hospital em estado grave e não resistiu.

Outros dois adultos foram levados ao centro médico, sendo um deles também em estado grave. A única pessoa que saiu ilesa da ação foi um bebê recém-nascido, que não foi atingido.

Momentos após o crime, um carro do mesmo modelo e cor daquele utilizado pelos atiradores foi encontrado incendiado no bairro Campo Comprido. A polícia suspeita que seja o mesmo veículo do atentado.

Polícia suspeita que vítimas e criminosos se conheciam

O tenente da PM Giuliano Tozetti disse ao G1 que há indícios de que os criminosos e as vítimas se conheciam. Já o delegado Victor Menezes explicou que a investigação tenta determinar a motivação do atentado, levantando a possibilidade de acerto de contas ou desavenças.

“Esse veículo veio parar nesta rua, um outro veículo se aproximou, ao que tudo indica já existia uma combinação para se encontrarem. Desceram duas pessoas que passaram a disparar incessantemente. Existe a visibilidade de que esses autores sabiam do que estavam fazendo”, comentou.

Veja o vídeo:

Fonte Yahoo Noticias