TCE


Um marco histórico foi alcançado no Grupo Chibatão com a aguardada chegada de uma nova e moderna Frota de guindastes LBS 800, diretamente da fábrica em Rostock, Alemanha, que aconteceu nas primeiras horas desta quarta-feira (20), no terminal portuário da empresa.

Este investimento significativo, que é uma parte fundamental da visão do Grupo Chibatão em direção à sustentabilidade, foi iniciada pelo Sr. José Ferreira de Oliveira, mais conhecido como Passarão, fundador do Grupo, e sendo concluído pela Gestão Corporativa em 2023.

Os guindastes LBS 800, fabricados pela Liebherr, são considerados os maiores guindastes portuários Mega Super Post Panamax do mundo, e sua instalação sobre píer flutuante representa um avanço notável para as operações portuárias no Amazonas e em todo o Brasil.

Para o Grupo Chibatão este é um momento histórico para o Grupo Chibatão. Estamos comprometidos em promover operações portuárias eficientes e sustentáveis, projeto este que iniciou em 2007 com a aquisição dos primeiros guindastes elétricos do Brasil.

Essa aquisição também representa um legado importante deixado pelo Sr. Passarão, que sempre enfatizou a importância da responsabilidade ambiental e tecnológica. Os guindastes LBS 800, sendo totalmente elétricos, contribuem para a redução do impacto ambiental nas operações do Porto Chibatão.

Para o Grupo Chibatão, esses guindastes não são apenas máquinas de alta performance, mas sim um compromisso com um futuro mais sustentável. Com essa ação, o Amazonas continuará a ter uma das melhores estruturas portuárias do Brasil, apoiando o crescimento da Indústria e Comércio.

Com uma visão voltada para a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento da região, o Grupo Chibatão continua na vanguarda da inovação em operações portuárias, garantindo eficiência e sustentabilidade em todas as suas atividades.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Porto Chibatão

Foto: Divulgação