TCE

O evento será gratuito e tem como público-alvo pesquisadores, estudantes e profissionais de diversas áreas

 

A Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ), vinculada à Secretaria de Saúde (SES-AM), promove o 1º Seminário de Qualidade, Lean e Saúde 4.0, um evento gratuito direcionado a pesquisadores, estudantes e profissionais de diversas áreas. O seminário acontecerá de 22 a 24 de maio deste ano, na Escola Superior de Ciências da Saúde da Universidade do Estado do Amazonas (UEA-AM), em Manaus.

O evento foi contemplado no edital nº 005/2023, do Programa de Apoio à Realização de Eventos Científicos e Tecnológicos (Parev), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Amazonas (Fapeam), e busca fortalecer o conhecimento em áreas como Lean na saúde, segurança do paciente, saúde 4.0, entre outros temas.

Durante o evento, serão exibidos resultados de pesquisas científicas, relatos de experiências, estudos, ensaios e artigos completos de estudantes e profissionais de diversas áreas.

Segundo o diretor-presidente da FHAJ, o médico Ayllon Menezes, o evento será uma forma de difundir conhecimentos sobre os processos de qualidade e gestão hospitalar.

“Com a participação de pesquisadores de diferentes instituições do Brasil, desejamos que, nesses três dias de evento, possamos desenvolver melhorias contínuas e aperfeiçoar o atendimento dos nossos pacientes que recorrem ao Sistema Único de Saúde (SUS)”, ressaltou Menezes.

Programação

O seminário incluirá mesas-redondas e conferências com palestrantes nacionais e locais, abordando temas como Lean na saúde, mapeamento da cadeia de valor, segurança do paciente e saúde 4.0. O objetivo, conforme o diretor-presidente da FHAJ, é capacitar profissionais por meio do conhecimento de especialistas de diferentes regiões do país, visando a melhoria do acesso à saúde pública.

O Lean Health ou a metodologia Lean na saúde é uma prática empregada para aperfeiçoar os processos na assistência à saúde, em outras palavras é um método de gestão de processos que tem como objetivo reduzir as falhas e desperdícios nas operações dentro da área da saúde.

Dessa forma, por meio da adoção de determinados procedimentos, torna-se mais fácil melhorar a qualidade do serviço e aumentar a produtividade, sem comprometer os insumos e os recursos do centro de atendimento.

 

Fonte: FHAJ

Foto: Divulgação