TCE




Homem de 70 anos teria ido à delegacia registrar o desaparecimento da mulher; idoso confessou o crime para a polícia

Um homem, de 70 anos, foi preso em flagrante, na tarde desta quinta-feira (25), suspeito de matar, esquartejar e enterrar a esposa em Campo Belo, a 226 km de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

A vítima, de 53 anos, era casada com o suspeito e estava desparecida desde o último domingo (21). O idoso confessou o crime à Polícia Civil e contou onde teria ocultado o corpo da mulher.

Segundo a PC, o suspeito teria procurado uma delegacia, na tarde desta quinta-feira (25), para registrar o desaparecimento da mulher. Segundo ele, a esposa teria saído de casa levando os celulares do casal.

Os policiais foram até a casa do idoso e verificou que o local estava abandonado e com manchas de sangue. Com os indícios, a perícia confirmou o crime.

O corpo da vítima foi encontrado enterrado em um lote vago, nos fundos de um galpão no bairro Vale do Sol. O Corpo de Bombeiros foi acionado para auxiliar nos trabalhos.



O crime

Segundo a polícia, o suspeito confessou o crime e disse que, no último domingo (21), após uma discussão, ele teria atingido a cabeça da mulher com marteladas.

O homem ainda teria esquartejado o corpo da vítima com uma faca, colocado os pedaços em um tambor de plástico e jogado soda cáustica para dissolvê-lo. Em seguida, o idoso ainda teria enterrado a mulher.

Ainda segundo informações da polícia, o homem vai ser indiciado por feminicídio, ocultação de cadáver e fraude processual.

 

Fonte: FA Noticias

Foto: Divulgação