Quatro meses se passaram desde que Marília Mendonça morreu num acidente de avião. O quarto da cantora, na casa em que morava com a mãe e o filho, em Goiãnia, continua intacto. Está do mesmo jeito que estava desde que ela cruzou a porta para nunca mais voltar. Ruth Moreira, a mãe de Marília, não teve coragem ou forças suficientes ainda para mexer em nada. As informação são do site Extra.

Se refazendo aos pouquinhos, Ruth guarda o que sobrou dos pertences de Marília naquele fatídico 5 de novembro: a roupa que a cantora usava, toda suja de óleo, e o celular de uso pessoal dela.

Nele, estão fotos e vídeos que Marília fez do avião, entre seus companheiros de viagem, o tio e o produtor, Henrique Ribeiro, o Henrique Bahia, que também morreram na queda da aeronave.

No aparelho há ainda uma foto toda preta, feita exatamente na hora em que o avião caiu, às 15h17. O que mais impressiona, no entanto, é a mensagem de áudio que Marília enviou à amiga Maraisa, na madrugada daquele mesmo dia, em que dizia, em tom de brincadeira, que achava que iria morrer. A reportagem em vídeo, que vai ao ar esta semana, foi feita pelo jornalista Leo Dias, que também entrevistou Ruth: “Eu voltaria a vender coxinha na rua só para ter a Marília de volta”.

Fonte: Metropoles