O prefeito da aldeia San Pedro Huamelula, no sudoeste do México, se casou com um jacaré vestido de noiva. O episódio inusitado faz parte de uma tradição indígena milenar; os habitantes do local acreditam que o réptil seja uma divindade representante da Mãe Terra.

Conforme o jornal britânico The Mirror, o casamento tem o objetivo de levar abundância à aldeia. A união, selada com um beijo entre o prefeito Victor Hugo Sosa e o jacaré, simboliza a união entre humano e divino.

Houve festa, música e comida na ocasião. Convidados chegaram a tocar trombetas enquanto o prefeito carregava a “noiva” no colo. A madrinha do casório, Elia Edith Aguilar, afirmou que a cerimônia lhe deu “muita felicidade e orgulho”. “É uma tradição muito bonita”, declarou.

O focinho do jacaré foi amarrado a fim de evitar mordidas. No momento de beijar o animal, o prefeito disse: “Pedimos à natureza chuva suficiente, comida suficiente, e que tenhamos peixes no rio”.

Fonte: Metrópoles