Quinhentas famílias de baixa renda de Manaus e em situação de
vulnerabilidade social foram beneficiadas com a entrega de moradias
populares. Elas receberam no dia 18 de agosto apartamentos no
Residencial Cidadão Manauara 2, localizado no bairro Santa Etelvina, zona
Norte, com sala de estar e jantar, dois quartos, hall, banheiro, cozinha e
área de serviço. A entrega dos imóveis faz parte do programa Casa para
Todos, planejado pela gestão municipal para reduzir o déficit habitacional
na cidade.
Além dos apartamentos, os moradores do residencial serão isentos do
pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e Imposto de
Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). As famílias beneficiadas foram
sorteadas no último mês de julho a partir do banco de dados do cadastro
de habitação do município.
Foram contempladas com apartamentos famílias de baixa renda,
residentes em áreas de risco e/ou insalubres da cidade, desabrigadas,
famílias com mulheres responsáveis pela unidade familiar, famílias com
Pessoas com Deficiências (PcDs), além de pessoas idosas na condição de
titulares do benefício habitacional e PcDs.
Os contemplados terão parcelamento financiado em dez anos, com
mensalidades fixas entre R$ 80 e R$ 270, dependendo da renda familiar,
que não pode ultrapassar R$ 1,8 mil.
O residencial possui mais de 23 mil metros quadrados de área construída,
com estruturas comunitárias que incluem:
Salão e clube social;
Copa/bar;
Banheiros;
Quadra poliesportiva e quadra de areia;
Parques infantis;
Área verde e de preservação permanente;
Estacionamento para visitantes e moradores;

A área recebeu meio-fio, pavimentação e recapeamento das vias de
acesso, serviços de limpeza pública e sinalização viária, com melhoria
urbana do entorno.
Entregues pela Prefeitura de Manaus em parceria com o Governo Federal e
a Caixa Econômica, as moradias representam a primeira entrega do
Programa Casa para Todos, que visa à construção de 5 mil imóveis, entre
apartamentos, casas e até terrenos.
É a Prefeitura de Manaus expandindo sua rede de proteção social e
cuidando de quem mais precisa.