TCE

Governador falou sobre desafios de gerir um estado de dimensões continentais e apresentou a ZFM e programas como o Amazonas 2030

O governador Wilson Lima apresentou, nesta segunda-feira (13/05), iniciativas do Governo do Amazonas para o desenvolvimento social, econômico e sustentável do estado em encontro com alunos de pós-graduação e professores das universidades do Colorado (Estados Unidos) e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

O convite ao governador foi feito pela professora Colleen Lyons, que também é diretora de pesquisa da universidade norte-americana e líder de projetos da Força-Tarefa de Governadores para Clima e Florestas (GCF Task Force), atuando em áreas como turismo sustentável, gestão ambiental e desenvolvimento comunitário.



O governador falou aos 25 participantes estrangeiros, amazonenses e de outros estados brasileiros, como Pará e Bahia, sobre os desafios de estar à frente do maior estado brasileiro, com 1,5 milhão de quilômetros quadrados, destacou modelos e programas como a Zona Franca de Manaus (ZFM) e iniciativas como o Guardiões da Floresta, Escola da Floresta e Amazonas 2030.

“Quero dizer que estou muito feliz em recebê-los para que entendam um pouco da complexidade da nossa Amazônia, que está sempre nas manchetes dos jornais com foco nas mudanças climáticas como secas e cheias, mas como alguém que nasceu no interior dessa região, digo que é fundamental o mundo saber como aliar a proteção da floresta com o desenvolvimento sustentável, social e econômico do nosso povo”, declarou, em inglês, o governador Wilson Lima.

A roda de conversa com estudantes de mestrado de temas como meio ambiente, energia e sustentabilidade foi realizada em um espaço do Instituto Cultural Brasil – Estados Unidos, no Centro de Manaus, e durou aproximadamente uma hora, contando com a presença do secretário de Meio Ambiente do Governo do Estado, Eduardo Taveira.

Iniciativas do Estado

O governador Wilson Lima explicou ao público que as fábricas instaladas na ZFM recebem incentivos fiscais estadual e federal e geram mais de 500 mil empregos diretos e indiretos nas mais de 500 empresas em operação, e enfatizou que a atividade econômica gerada com a ZFM ajuda a manter preservada 97% da cobertura florestal do Amazonas.

Wilson Lima mostrou os objetivos do programa Amazonas 2030, lançado por ele na Conferência das Nações Unidas sobre o clima (COP 28), voltado à redução do desmatamento no estado e que será executado com recursos arrecadados a partir da venda de créditos de carbono. O objetivo é alcançar o desmatamento líquido zero no estado nos próximos seis anos.

O governador também falou de ações como o Água Boa, que tornam potável a água captada dos rios em comunidades do interior a partir de 500 estruturas; o Guardiões da Floresta, um dos maiores sistemas de Pagamentos por Serviços Ambientais do planeta, que beneficia atualmente 8,2 mil famílias de 28 Unidades de Conservação Ambiental; e a Escola da Floresta, que prevê construções sustentáveis e o ensino de tecnologia, inovação e sustentabilidade às pessoas que vivem em locais isolados ou de difícil acesso.

Outras agendas

Ainda nesta segunda-feira, o governador Wilson Lima esteve na abertura da 2ª edição da Semana Nacional do Registro Civil – Registre-se. A ação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e implementada pela Corregedoria do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) busca dar acesso à documentação civil básica a populações indígenas e em vulnerabilidade social, por exemplo.

“O Amazonas está aqui à disposição para dar todo suporte necessário daquilo que tiver dentro das nossas competências, daquilo que tiver dentro das nossas possibilidades para que efetivamente isso aconteça, entendendo a independência entre os poderes, mas a necessidade de a gente caminhar de forma harmônica para que, no final das contas, o cidadão, aquele que está lá na ponta, possa ser beneficiado”, destacou Wilson Lima.

O governador também prestigiou a posse dos desembargadores João Simões e Airton Gentil nos cargos de presidente e vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), respectivamente, ocasião em que destacou a importância da instituição e do apoio do Governo do Amazonas ao exercício da cidadania para escolha de seus representantes. “Todo o Estado vai estar envolvido no sentido de dar aquele suporte necessário”, garantiu Wilson Lima.

 

Fonte: Secom

Foto: Janailton Falcão